Aplicações da IoT na medicina

A IoT na medicina é uma tecnologia que permite conectar e comunicar diferentes dispositivos médicos através de uma rede, permitindo a interação entre eles e o usuário. É comumente conhecida como Internet das Coisas (IoT) e está se tornando uma necessidade para o setor de saúde e para os sistemas de informações médicas.

O que é IoT na medicina?

A IoT em saúde é uma tendência na qual dispositivos inteligentes são utilizados para melhorar a saúde do paciente e reduzir os custos associados a essa área. O objetivo principal é oferecer uma experiência mais personalizada aos pacientes, para que eles tenham mais controle sobre sua própria saúde. Por exemplo, graças à IoT, os médicos podem acessar as funções do paciente através de seu dispositivo móvel ou computador sem a necessidade de estar fisicamente presentes na sala de internação.

Vantagens da IoT na medicina

Melhora a capacidade diagnóstica. O uso da IoT no setor de saúde permite que os médicos diagnostiquem melhor algumas doenças e sua evolução.

Possibilidade de monitorar e controlar remotamente a condição do paciente, incluindo sua localização, pressão arterial e temperatura corporal, além da frequência cardíaca, oxigênio e outros parâmetros vitais graças aos dispositivos da IoT para cuidados de saúde.

Melhor qualidade de vida para os pacientes. Sua condição física será supervisionada pela equipe médica e pelos familiares, de modo que qualquer anormalidade ou doença possa ser detectada antes que ocorra.

Aumento da eficiência e produtividade, graças às comunicações mais rápidas entre os dispositivos e as informações transferidas.

Redução de custos para as empresas de saúde, uma vez que uma maior eficiência permite reduzir custos com pessoal e manutenção.

Desafios da IoT na medicina

Existem 3 grandes desafios que o setor da IoT deve enfrentar para o setor de saúde: interoperabilidade das diferentes tecnologias e dispositivos médicos, que permita ao paciente acessar aos serviços do sistema de saúde sem influenciar a sua rotina diária; a utilização dos dados no ciclo de vida de um paciente; e o acesso seguro e privado aos dados médicos do paciente para que você possa usá-los como parte de seu prontuário médico e fazer consultas com outros especialistas ou centros médicos sem a necessidade de passar por um profissional.

Aplicações atuais da IoT na medicina

Software e CRM em hospitais

A introdução de informações do paciente nos sistemas de informação de saúde é uma tarefa exaustiva para o médico. Graças aos dispositivos da IoT para a saúde esses sistemas podem coletar dados clínicos automaticamente e carregá-los no prontuário médico eletrônico.. Outros médicos preferem preencher a documentação do paciente por meio de sistemas de reconhecimento de voz para hospitais como o INVOX Medical.

Audiômetros eletrônicos

Os audiômetros eletrônicos são dispositivos médicos que permitem medir o ouvido humano através de uma pequena sonda que é introduzida no canal auditivo.. Estas sondas são muito comuns nos consultórios médicos e nas clínicas de reabilitação, pois servem para diagnosticar problemas de audição e para garantir que as pessoas com problemas deste tipo possam recuperar-se da melhor forma possível.

Monitor de glicose

O monitor de glicose é um dispositivo eletrônico que permite medir a concentração de glicose no sangue. Esses equipamentos são usados para coletar amostras de sangue e analisá-las para determinar os níveis de açúcar no sangue, e os resultados obtidos são registrados no sistema.

Exemplos de aplicações da IoT no setor de saúde

Pílulas inteligentes

As pílulas inteligentes têm um microchip inserido que pode, por exemplo, verificar a pressão arterial e enviar as informações diretamente para qualquer sistema de computador. Nos últimos anos, várias pesquisas estão sendo realizadas para validar o uso dessas pílulas inteligentes para diagnosticar certas patologias, além da medição de enzimas, temperatura, nível de açúcar e pressão arterial.

Exemplos de aplicações da IoT no setor de saúde

Como vimos, a IoT é outro exemplo de tecnologia médica que melhora a qualidade de vida dos pacientes e a eficiência dos sistemas de saúde. Nos próximos anos, muitos dos dados que os médicos têm de introduzir atualmente nos sistemas de informação serão automaticamente carregados graças a este tipo de dispositivos, e os demais dados serão introduzidos através do uso de voz graças aos softwares de ditado por voz para hospitais como o INVOX Medical.

Compartir

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Otros posts que pueden ser de su interés